[vc_row type=”vc_default” full_width=”stretch_row” full_height=”yes” equal_height=”yes” parallax=”content-moving” parallax_speed_bg=”3″][vc_column][vc_video link=”https://www.youtube.com/watch?v=-TBuP1T2lWs”][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_column_text]Poucos sons surpreendem tanto quanto as faixas do Joutro Mundo, uma das atrações do MECAInhotim deste ano. O projeto liderado pelo produtor carioca Jonas Rocha deixa claro a intimidade do profissional com o disco e o boogie que sacudiram o final dos anos 70 e início dos 80.
Seu último álbum, “Brazilian Boogie & Disco Reworks” é uma ode a clássicos dançantes inspirados em DJs como Harvey, Greg Wilson, Nuts e Tahira.
Dizem que toda essa pegada nostálgica upbeat de Joutro Mundo começou quando Jonas encontrou, em um sebo, um disco com a faixa “Sing to Me Mama”, de Karen Cheryl, na voz da cantora Risa.
A partir daí, o produtor mergulhou fundo em batidas inspiradas no afrobeat e sonoridades amazônicas, com as quais têm intimidade: seu som é de uma imensidão e fragilidade tropical, com uma exuberância nativa. Daquelas coisas que a gente só sente — e entende — ouvindo!
O MECAInhotim acontece nos dias 07, 08 e 09 de julho. Confira a programação completa, planeje a sua viagem e compre seus ingressos aqui:
http://meca.love/mecainhotim/
[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_video link=”https://www.youtube.com/watch?v=Q4MIzxB_mZw”][/vc_column][/vc_row]